Postagens

Destaque

Aberta a votação do 36º Prêmio Angelo Agostini

Imagem
Com um grande atraso devido aos percalços da pandemia, mas é com orgulho que comunicamos que está aberta a votação pública para o 36º Troféu Ângelo Agostini, premiando as produções lançadas em 2019. Premiação promovida pela Associação de Quadrinhistas e Caricaturistas do Estado de São Paulo (AQC-ESP). A premiação, no seu segundo ano, está composta de duas fases. A primeira com a votação de jurados ligados à área, que compuseram uma lista de indicados ao prêmio para a votação final pública. A votação estará aberta de 11 a 31 de janeiro 2021, e é aberta a qualquer pessoa interessada na valorização da produção nacional de história em quadrinhos, sejam profissionais de história em quadrinhos, jornalistas, colecionadores, leitores e todos. De qualquer estado Brasileiro ou residente em outros países. Acesse o formulário e vote nos seus preferidos:   Carregando…

METAL FANTASIA, EDITADA POR ANDRÉ CARIM

Imagem
(Por Gian Danton) "Metal Fantasia é uma publicação do Múltiplo Estúdio lançada em setembro de 2020. A proposta é uma revista mix nos moldes da famosa Heavy Metal (cuja logo a Metal Fantasia emula). A revista abre com “Vampiros”, de Cláudio Dutra, uma história de terror que lembra muito as HQs da fase clássica da revista calafrio. O traço do artista nessa história remete a dois artistas emblemáticos da calafrio: Rodolfo Zalla e Eugenio Colonese. Na história, dois visitantes chegam em uma casa no interior de Goiás e são obrigados a passar a noite por conta de uma criatura que está matando pessoas e animais. Mas o maior perigo parece estar dentro da própria casa. Há uma sacada interessante no desenho: todos os personagens são hachureados, exceto pela moça Lucine, que é mostrada com traços simples, o que dá a ela uma aparência de iluminada. Luís Iorio participa da revista com três histórias curtas: “Pedragon”, “Jogos de guerra” e “Baltar, o mata-monstros”. Dessas, a melhor sem dúv

SUPLEMENTO DE QUADRINHOS POR ALVARO DE MOYA E REINALDO DE OLIVEIRA

Imagem
(Por João Antonio Buhrer) "Este suplemento de quadrinhos foi editado, como disse no título, por dois nomes importantes do mundo dos quadrinhos, aqui do Brasil. Alvaro e Reinaldo quiseram reviver no Brasil o começo dos quadrinhos, nos anos 1930, quando eram publicados nos jornais, em historinhas de continuação. O próprio nome e o logotipo evocam o Suplemento Juvenil, pioneiro aqui no Brasil neste tipo de narrativa gráfica. Era um suplemento publicado encartado num jornal chamado Jornal Jovem, em 1967. Este é o segundo número, que não creio deva ter ido muito adiante, naquela época o leitor já estava acostumado com gibis de histórias completas. Sei disso porque, naquela época, eu era leitor fervoroso destas revistinhas. Ou seja, falo por experiência própria. As páginas deste suplemento não tinham numeração muito lógica, portanto não estranhem estarem fora de numeração. Muitas não estão nem numeradas, mas falando a verdade pouca diferença faz pois as páginas são independentes.&qu

TUDO PASSA, MENOS O TROFÉU ANGELO AGOSTINI

Imagem
O Troféu Angelo Agostini acontece desde 1985 e tem sua origem ligada ao reconhecimento do trabalho dos Mestres do Quadrinho brasileiro (tendo premiado Jayme Cortez, Messias de Mello, Rodolfo Zalla e Eugenio Colonnese) e a partir de 86, foi enriquecido com as categorias melhor lançamento, melhor roteirista e melhor desenhista de Quadrinhos. Era a tentativa de reconhecer os produtores da Nona Arte, premiando os Mestres Gedeone Malagola, Nico Rosso e Júlio Shimamoto, as revistas Chiclete com Banana (Circo Editorial) e Medo (Press Editorial), o roteirista Júlio Emílio Braz e o desenhista Watson Portela.  O Troféu Ângelo Agostini foi criado em uma época em que começávamos a respirar um ar de abertura política, de esperanças no futuro e que o pior da nossa recente história já houvesse passado. Antes passamos por uma Ditadura civil-militar que prendia, torturava, matava, corrompia e censurava a imprensa, enquanto a corrupção ocorria sem denúncias. Passamos por uma linda campanha popular, com

AS ILUSTRAÇÕES DE IBERÊ CAMARGO

Imagem
Iberê Camargo ilustrou ABC de Castro Alves, biografia do poeta por Jorge Amado, pela Martins Fontes Editora.

BALAIO DE PINTURAS E ESCULTURAS

Imagem