1 de abr. de 2020

ALMANAQUE DO BIÔNICO EM SALMOURA






Direto dos "Arquivos incríveis do João Antonio".
Almanaque do Biônico em Salmoura ano 1.
- Desta edição do almanaque eu possuo apenas algumas páginas, como não estão numeradas e não tem expediente, penso que estão faltando mais algumas delas. Devo ter recortado apenas uma página da Mad 83 de maio 1981, fiz alguma bobagem aí, pela qual me penitencio.
Zamagna, o autor desta obra, lembra-se de ter feito oito números, mas não sabe dizer se todos foram publicados. Um exemplar foi encartado na revista MAD, lembra o ex-editor Otacílio de Assunção.

A publicação Almanaque Biotônico Fontoura, publicado pelo famoso Laboratório Fontoura, é (ou foi, não sei se ainda é publicada) uma verdadeira instituição no Brasil! Já faz parte do imaginário coletivo, é provavelmente o mais famoso dos almanaques de farmácia. Muito embora eu pessoalmente curta mais o Sadol/Renascim, que na minha região era mais comum. Em maio de 1981 a revista MAD (Ed Vecchi, número 83) resolveu fazer uma paródia deste almanaque, assim encartou um folheto em papel jornal com o nome de "Almanaque Biônico em Salmoura". Esse biônico que hoje pode não fazer sentido para os mais novos é uma alusão a um tipo de político que não era votado, e sim levado ao cargo por intermédio de outros políticos. E salmoura é só uma graça mesmo. Nem preciso dizer que este encarte hoje é raríssimo de se encontrar, verdadeira pérola de colecionador.