12 de set de 2013

ENCONTRO DE CARTUNISTAS GAÚCHOS -CARTUCHO- EM SUA DÉCIMA EDIÇÃO

Para maiores informações, vídeos e fotos, acesse o site: http://cartuchosantamaria.wordpress.com
BIRA DANTAS FALA DO CARTUCHO:
"Tenho 50 anos, sou cartunista, quadrinhista e ilustrador desde 1979, há uns 34 anos, creio eu. Gaitista há 14. E foi com minha gaita de boca que fiz um bocado de barulho nas terras gaúchas de Santa Maria, em setembro de 2011. Senti-me muito honrado pelo convite dos organizadores do Cartucho (Encontro dos Cartunistas Gaúchos), e do Máucio em especial. Eu, um paulistano que de gaúcho só tenho o "baita ego". Conheci Porto Alegre em 2009, no evento Caminho do Livro. Lá debati os Quadrinhos Literários com o amigo Rodrigo Rosa e lancei meus D.Quixote e O Ateneu (este com roteiro do saudoso Ronaldo Antonelli). Para nosso prazer, o Rio Grande do Sul lançou nomes como Santiago, Edgar Vasques, LFV -entre muitos outros- neste Movimento da História em Quadrinhos Brasileira.
Mas conhecer Santa Maria foi como entrar no coração desta república sulista, farroupilha, aguerrida e sofrida, com tragédias como a recente na Boate Kiss... Conhecer Santa Maria foi entrar no coração desses cartunistas fantásticos que de tão míticos, fazem história Brasil a fora. Conhecer o homenageado Byrata foi algo além da imaginação. Virei até o embaixador do Xiru na Associação dos Quadrinhistas e Caricaturistas SP, AQC, ACB, Worney, Gualberto e coreanos. Tarefa fácil, haja visto que fui com a cara deste herói dos campos gaúchos, na primeira olhada de esgueio.
Aventura, regionalismos, ficção, ação, dinossauros, peonices, comilança e muito chimarrão, que ninguém é de ferro. Byrata, um mestre do desenho, do roteiro, do humor e falas gauchescas, que tanto agarrei a curtir. O Cartucho foi responsável pelo meu reencontro com amigos de traço: Bier, Eugenio Neves, Wagner Passos, Santiago, Hals, Alisson. E me fez conhecer Máucio, Greice, Henrique, Joel Giruá, Ricardo Freitas, André Macedo, Gilmar Fraga, Geraldo Passofundo, Pomba Claudia, Rafael Correa, Paulo Chagas e tanta gente boa...
Este evento de Santa Maria junta-se a outro grande (o "Cheia de Graça", Salão de Humor) para transbordar pelo Brasil o que os gaúchos têm de melhor: Orgulho de sua terra, de sua cultura. Combatividade na hora de lutar por cada espaço. Arte, que têm de sobra. E principalmente, muito humor.
E eu sigo falando dessa turma, que a moda dos Gauleses, briga de puxar facão, mas está sempre de bem com a vida. Penso até que o Máucio lembra bem o Asterix. Obelix seria o Bier, pelo tamanho e preferência pelos javalis. Inteiros".
Parabéns ao Cartucho, por todos estes anos de luta pela Cultura regional e nacional!