15 de dez de 2011

LEI DOS 20% DE QUADRINHO NACIONAL: O DEBATE ESTA' LANCADO


O jornalista Jota Silvestre da' mais um passo na discussão sobre a Lei. Acompanhe, leia, opine:
http://revistaogrito.com/papodequadrinho/2011/12/16/a-nova-lei-dos-quadrinhos-na-opiniao-dos-profissionais/#comment-2139
Em apenas 2 dias, quase 100 comentarios no site O Grito!
Eu proponho que Worney convide o Jota para formatar essa discussão e leve para o dia da Premiacão Angelo Agostini no Instituto Cervantes.

"Atualizado em 16/12 com depoimentos de JAL, Emir Ribeiro, Lorde Lobo, Mike Deodato Jr., Daniel Lafayette, Fernando dos Santos e DJ Carvalho.
Atualizado em 15/12 com depoimentos de Franco de Rosa, Samicler Gonçalves, Pancho, Spacca, Estevão Ribeiro, José Aguiar, Lobo, Maurício Muniz, Paulo Floro, Levi Trindade, Caio Majado, Octávio Aragão, Mário Cau, Roberto Guedes e do jornalista americano Rich Johnston.
Um debate tem agitado a comunidade quadrinística nas últimas semanas: o projeto de lei que determina cotas de publicação para quadrinhos brasileiros e acena com incentivos fiscais (leia a íntegra no final desta postagem).
O tema é antigo, mas foi reavivado pelo desenhista Rafael Grampá no início de novembro por meio do Twitter e ganhou repercussão num artigo publicado no blog do Universo HQ.
Na semana passada, o novo relator do projeto de lei 6.060/2009 esteve em São Paulo para discuti-lo com representantes de artistas e editoras. Uma nota sobre a situação atual do projeto no Blog dos Quadrinhos, do jornalista Paulo Ramos, evidenciou que o assunto divide os próprios profissionais do ramo.
Papo de Quadrinho consultou autores, editores e jornalistas que cobrem quadrinhos para saber o que pensam das novas regras. As opiniões foram divididas em “Contra”, “A Favor” e “Em termos”.
Caso algum profissional não tenha recebido o convite para participar – por esquecimento ou ignorância deste editor – pedimos a gentileza de mandar seu depoimento para o e-mail jotasilvestre@gmail.com.
Os leitores sintam-se à vontade para emitir sua opinião na área de comentários do blog. E fique de olho, pois à medida que novos depoimentos chegarem, este post será atualizado.
Projeto de lei 6.060/2009. Você é a favor ou contra?"