26 de abr de 2012

VASQS NO CRONOPIOS, EDSON PELICER, DIEGO JOURDAN, LEROY CARR, HELENO, SIHG, CAMILO TRIANA E MASTROTTI

http://www.cronopios.com.br/site/poesia.asp?id=5384 J. C. B. jcmbrandao@gmail.com
"Aqui está uma amostra do livro “OSTRAS AO VENTO, Humor disposto a nada”, uma coletânea de frases, textos de humor e cartuns . O título em si é um achado, desses que só a melhor poesia pode ter. Ostras ao vento! Não é preciso dizer mais nada. É um livro de humor, mas a poesia é irmã do humor, a poesia se faz com humor. Ostras ao vento é um sintagma pleno de nonsense, que só a poesia pode explicar. Aliás, poesia e humor não se explicam. Você ri ou se extasia com aquele quê especial de um texto – que chamamos de humor ou poesia. O livro “Ostras ao vento” é isso aí. O mais puro humor. Aquele de que você dá um sorriso – mesmo um sorriso interior! – como para uma boa imagem de um poema. Às vezes, dá uma gargalhada. Também um poema às vezes toca mais fundo. Não é à toa que o Vasqs frequenta os saraus de poesia de São Paulo – são dezenas! – e diz suas frases de humor e é ouvido como a um poeta. Não há muita diferença, se há. Os bons poetas foram também, se não humoristas, tocados pelo humor. Eis aqui com vocês Fernando Mendes Vasques, que assim se apresenta: “Nascido em Dois Córregos, SP, Vasqs é redator de humor e cartunista. Iniciou no Diário de Bauru, onde morou 24 anos. Em São Paulo teve suas primeiras publicações nos jornais Ex e Movimento. Escreveu e ilustrou para o Pasquim/São Paulo e foi colunista do Jornal da Tarde, de O Estado de São Paulo. Por 12 anos foi ilustrador do jornal Diário Popular, hoje Diário de São Paulo. Entre outras publicações, colaborou com O Pasquim, O Pasquim-21, Jornal do Brasil e para as revistas Bundas, Revista do Faustão e Mad. Hoje participa dos sites de literatura Overmundo e Canto do Escritor e de charges Chargeonline e Brazilcartoon. Como freelancer, ilustra livros didáticos e infantis e pilota o blog http://ostrasaovento.blogspot.com
OFICINA DE HQ E ZINES COM EDSON PELICER NA GIBITECA HENFIL
Inscrições abertas a partir de 1º/5 http://www.facebook.com/events/408491119162128/ Oficina de HQs e fanzines com: Edson Pelicer (educador, quadrinhista, ilustrador, artista plástico e educador social) Nos meses de maio, junho e julho, Edson Pelicer trará sua experiência no estudo, prática e ensino de histórias em quadrinhos à Gibiteca Henfil. Com aulas práticas e teóricas visando o exercício do desenho, da redação e da arte sequencial, os encontros oferecerão também recursos que possibilitem a fusão das HQs com outras formas de expressão artística, como música, poesia, haicai, entre outras, estabelecendo relações com animação e cinema. Desse processo resultará a confecção e publicação de um fanzine em comemoração aos 30 anos do CCSP, cuja produção privilegiará o processo de criação artística e autoral de tiras, caricaturas, charges, ilustrações, histórias em quadrinhos, capas, prefácios, posfácios e editoriais. (20 vagas) - Público: interessados em geral a partir de 10 anos - inscrições: de 1º a 16/5, comparecer à Gibiteca Henfil (de terça a sexta, das 10h às 19h30; sábados, domingos e feriado, das 10h às 17h30) com um desenho autoral contendo nome, e-mail e telefone para contato - seleção: caso o número de inscritos exceda o número de vagas, serão consideradas como critérios de seleção a ordem de inscrição e a avaliação do desenho. A lista dos selecionados será divulgada nesta página a partir do dia 17/5 - período da oficina: de 19/5 a 7/7, sábados, das 10h às 13h - Gibiteca Henfil Aviso: O participante deverá trazer lápis HB, borracha branca, bloco de papel sulfite A4, régua e canetas pretas.
CARTUNS EROTICOS DO CHILENO DIEGO JOURDAN
Entrevista na revista erotica chilena "Cariñomalo"! http://vimeo.com/40867217 A edição impressa se distribui gratuitamente em Santiago e pode ser baixada pelo site: http://www.cariñomalo.cl/
LEROY CARR – O BLUES TRÁGICO (Denilson Reis) Arte: Marcel de Souza http://blueseriazine.blogspot.com.br/
"Muito antes de James Dean e Marilyn Monroe, a autodestruição já dava bom ‘marketing’. Vejam o que a imprensa especializada fez com um bluesman lendário: O que tornou Leroy Carr um dos melhores cantores de blues de todos os tempos também o matou. Dizem que para cantar o blues é preciso vivê-los. Leroy Carr fez as duas coisas. Morreu em 1935, pouco antes de completar 30 anos. O problema é que Leroy sofria o pior tipo de blues: bebeu até morrer.”
GENIALIDADE E DESESPERO (Sergio Domingues) http://pilulas-diarias.blogspot.com.br/2012/04/genialidade-e-desespero.html "Os filmes sobre Heleno e Raul Seixas mostram a convivência entre talento e tormento. Segundo Sartre, “a genialidade não é um dom, é a saída que se inventa em casos desesperados”. Estariam todos os gênios condenados a isso?"
SALÃO DE HUMOR DE PERNAMBUCO DE VOLTA http://sihg.com.br/
1º Salão Internacional de Humor Gráfico - Pernambuco - Brasil Inscrições até 01 de Setembro. (Jal) "O Salão de Pernambuco voltando após alguns anos. Para se comemorar. O Samuca, cartunista de lá é quem está organizando. Pernambuco fez um dos melhores salões em anos anteriores. Ganhou até o Troféu HQMIX."
CABO SAVINO NO LIVRO TRIBUTO "DUENDES" DE ARGENTINA O colombiano Camilo Triana faz parte do livro argentino "LA DUENDES - CABO SAVINO POR SIEMPRE". http://laduendes.blogspot.com
Durante 2 semanas foram publicados tributos no Blog de Quadrinhos Patagonicos, com os mais variados estilos: http://historietapatagonica.blogspot.com Em La Duendes Historieta Patagónica, Camilo Triana, El Toto, Luciano Ferreyra e mais 40 artistas.
NOVO BLOG DO MASTROTTI
http://cinzentas.blogspot.com.br/ É sempre um prazer participar dos projetos da Editora Virgo, de Mario Dimov Mastrotti. A energia que rola entre os participantes é realmente muito boa. Joga a HQ nacional pro alto e juntos, nos jogamos também. Jovens talentos e velhos de estrada saboreando novos ares. Não bastassem todos os agitos que o velho amigo da AQC promove (Encontros de Cartunistas no ABC, Dia do Quadrinho Nacional em Santo Andre, dezenas de Oficinas e Palestras sobre HQ, livros e revistas com Cartuns), ele nos brinda agora com um novo Blog de desenhos, todos a lapis, sem arte-final, cinzentos como nuvens carregadas de chuva... Vale a pena conferir e lembrar de trabalhos estilo Ficção-Cientifica que influenciaram tanto a carreira deste fantastico criador de Cubinho e ilustrador do Anglo nos anos 1980. "O ser humano em sua infinita dúvida não vive nem a treva total, nem a luz estelar de primeira grandeza.Ele permeia um cinza em variações esperançosas ou míopes. Perceba antes que seja tarde..." Para saber mais sobre o Mastrotti: http://www.cartunistamastrotti.com.br/ Mario Dimov Mastrotti, natural de São Caetano do Sul – SP, iniciou-se em 1975 no Diário do Grande ABC com as tiras do “Cubinho”, personagem que também fora publicado no Jornal de Brasília e Gazeta de Vitória. Entre 1976 e 1999 publicou para mais de 30 jornais como Diário Popular e Folha de Londrina. Para as editoras produziu “Pluft”(ECAB), “Moranguinho” (Abril), “Guerreiros de Órion” (Press) e “Tripanossoma” para o fanzine Hiperespaço. Produziu várias cartilhas com a linguagem dos quadrinhos para empresas como Pirelli Cabos, Lever, Fag, TRW, Rolls-Royce entre outras. Entre 2000 e 2007, organizou os livros: Humor Brasil 500 Anos, 2001 Uma Odisséia no Humor, Humor pela Paz e a Falta que ela faz, Fome de Ver Estrelas, Tiras de Letra, Tiras de Letra Outra Vez, Internet@Humor, Tiras de Letra Muito Mais, Tiras de Letra Pra Valer! e Isto é um Absurdo. Publicou na Revista Bundas (Ziraldo), Front (Kipper), Pasquim 21 (Ziraldo) Revista Kairos Genéricos, Revista Endocrinologia, e preside desde 2005 o Salão de Humor Internacional de Paraguaçu Paulista. Atualmente publica no Jornal Paulistano, Revistas Casual e Nosso Papel.